Journal of Coloproctology Journal of Coloproctology
J Coloproctol. (Rio J.) 2018;38:65-9 - Vol. 38 Num.1 DOI: 10.1016/j.jcol.2017.08.004
Case Report
Acute appendicitis mimicking acute scrotum: a rare complication of a common abdominal inflammatory disease
Apendicite aguda mimetizando escroto agudo: uma complicação rara de uma doença inflamatória abdominal comum
Kelly Cristine de Lacerda Rodrigues Buzattia,, , Marcus Vinícius Capanema Gonçalvesa, Rodrigo Gomes da Silvaa,b, Beatriz Deoti e Silva Rodriguesa,b
a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Hospital das Clínicas, Belo Horizonte, MG, Brazil
b Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Faculdade de Medicina, Belo Horizonte, MG, Brazil
Received 02 June 2017, Accepted 09 August 2017
Abstract
Introduction

Acute appendicitis is the most common surgical disease of the abdomen in clinical practice, affecting mainly young adults. It has a wide variety of clinical presentations, due to the anatomical variation of the cecal appendix. Its presentation as acute scrotum and scrotal abscess is quite rare and atypical, occurring mainly in young male patients with patent processus vaginalis.

Case presentation

An 18-years-old male patient attended the emergency unit complaining of diffuse abdominal pain, fever and hyporexia for four days followed by inflammatory signs in the scrotum. He was taken to the operation room after diagnosis of scrotal and abdominal sepsis. During scrotum exploration, pus was found inside the right hemiscrotum coming down from the groin and communicating with the abdominal cavity. The laparotomy found perforated appendicitis and peritonitis leading to the scrotal abscess. The abscess was drained, appendectomy was performed and the scrotal and abdominal cavity were washed with saline solution. Despite postoperative complications such as pneumonia and intra-abdominal abscess, the reported patient recovered and was discharged in the 44th postoperative day.

Conclusion

Acute appendicitis can mimic acute scrotum and surgeons must have a high index of suspicion of this complication for diagnosing. This unusual clinical presentation may be challenging and can delay the diagnosis leading to perforated peritonitis.

Resumo
Introdução

A apendicite aguda é a doença cirúrgica mais comum do abdome na prática clínica, afetando principalmente adultos jovens. Tem uma grande variedade de apresentações clínicas, devido à variação anatômica do apêndice cecal. Sua apresentação como escroto agudo e abscesso escrotal é bastante rara e atípica, ocorrendo principalmente em pacientes jovens do sexo masculino com túnica vaginalis patente.

Apresentação do caso

um paciente do sexo masculino de 18 anos de idade compareceu à unidade de emergência queixando dor abdominal difusa, febre e hiporexia por quatro dias que se seguiram de sinais inflamatórios no escroto. Ele foi levado para centro cirúrgico após o diagnóstico de sepse de origem escrotal e abdominal. Durante a exploração da bolsa escrotal, secreção purulenta foi encontrada do lado direito oriunda do canal inguinal e comunicando-se com a cavidade abdominal. Durante a laparotomia observou-se sinais de apendicite aguda perfurada e peritonite levando ao abscesso escrotal. O abscesso foi drenado, a apendicectomia foi realizada e as cavidades escrotal e abdominal foram lavadas com solução salina. Apesar de complicações pós-operatórias como pneumonia e abscesso intra-abdominal, o paciente recuperou-se bem, recebendo alta hospitalar no 44° dia pós-operatório.

Conclusão

A apendicite aguda pode simular o escroto agudo e os cirurgiões devem ter um alto grau de suspeição dessa complicação para o diagnóstico. Esta apresentação clínica incomum pode ser desafiadora e retardar o diagnóstico levando à peritonite por perfuração.

Keywords
Acute appendicitis, Appendectomy, Acute abdomen, Spermatic cord torsion, Acute scrotum
Palavras-chave
Apendicite, Apendicectomia, Abdomen agudo, Torção do cordão espermático, Escroto agudo
J Coloproctol. (Rio J.) 2018;38:65-9 - Vol. 38 Num.1 DOI: 10.1016/j.jcol.2017.08.004