Compartilhar
Informação da revista
Vol. 38. Núm. S1.
Páginas 168 (Outubro 2018)
Compartilhar
Compartilhar
Baixar PDF
Mais opções do artigo
Vol. 38. Núm. S1.
Páginas 168 (Outubro 2018)
VL08
DOI: 10.1016/j.jcol.2018.08.360
Open Access
COLECTOMIA DIREITA VIDEOLAPAROSCÓPICA COM ILEOTRANSVERSO ANASTOMOSE EXTRACORPÓREA
Visitas
544
Aline Costa Mendes de Paiva, Rafael Vaz Pandini, Sergio Silveira Junior, Rodrigo Ambar Pinto, Sergio Carlos Nahas, Ivan Ceconello, Cintia Mayumi Sakurai Kimura
Faculdade de Medicina (FM), Universidade de São Paulo (USP), São Paulo, SP, Brasil
Este item recebeu
544
Visitas

Under a Creative Commons license
Informação do artigo
Texto Completo
Baixar PDF
Estatísticas
Texto Completo

Introdução: A ressecção laparoscópica de cólon é superior à cirurgia aberta em relação à dor pós‐operatória, recuperação e menor tempo de internação hospitalar.

Objetivo: Demonstrar a técnica cirúrgica em colectomia direita videolaparoscópica com anastomose extracorpórea.

Método: F.D.B., 72 anos, antecedente de hernioplastia inguinal direita há 10 anos, queixa de dor em hipogástrio em cólica, pós prandial, há 1 ano, associado a fezes em fita e perda ponderal de 8kg em 4 meses. Colonoscopia com lesão ulcerada em cólon ascendente, biópsia confirmando adenocarcinoma. Realizou TC de tórax, abdome e pelve demonstrando massa em região do cólon ascendente e linfonodomegalias em região mesentérica, ausência de lesões à distância. Submetido à Colectomia direita videolaparoscópica com ileotranverso anastomose extracorpórea. Passado trocater de 11m umbilical, além de 3 trocartes de 5mm em QSD, QID, QIE e de 12m em QSE. Durante inventário da cavidade observada lesão em cólon ascendente de 8cm, ausência de sinais de carcinomatose ou metástases hepáticas. Iniciado com a liberação do folheto medial do mesocólon direito até cólica média e duodeno. Descolamento medial até goteira parietocolica direita e cranialmente até retrocavidade. Clipagem e secção do tronco íleo‐cólico junto à origem na mesentérica superior. Dissecção da fascia de Toldt e ligadura com clips dos ramos direitos da cólica media. Descolamento do intercoloepiplóico, liberando o ângulo hepático até o transverso distal, dissecção do mesocolon e preparo do íleo e do colón transverso. Observado pequeno sangramento em ramo da cólica média tratado com clipe. Ampliada incisão mediana com 5cm, exteriorizado o cólon dissecado protegendo a parede. Confeccionada anastomose íleo‐transverso à Barcelona anisoperistáltica com endogia, seguida de secção do íleo terminal e cólon transverso com grampeador endogia e retirada da peça. Anatomopatologico: adenocarcinoma invasivo de cólon, margens livres, metástases em 7 de 34 linfonodos ressecados, pT3 pN2b.

Resultado: Paciente evoluiu sem complicações no pós‐operatório, boa aceitação da dieta e evacuações preservadas, alta hospitalar no 7° PO.

Conclusão: Em pacientes com comorbidades que justifiquem menor tempo operatório, indisponibilidade de material laparoscópico adequado, ou cirurgião com pouca experiência em endossuturas, a realização de anastomose extracorpórea oferece uma alternativa segura para reconstrução nas colectomias.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Receba a nossa Newsletter

Opções de artigo
Ferramentas
en pt
Cookies policy Política de cookies
To improve our services and products, we use "cookies" (own or third parties authorized) to show advertising related to client preferences through the analyses of navigation customer behavior. Continuing navigation will be considered as acceptance of this use. You can change the settings or obtain more information by clicking here. Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar nossos serviços e mostrar publicidade relacionada às suas preferências, analisando seus hábitos de navegação. Se continuar a navegar, consideramos que aceita o seu uso. Você pode alterar a configuração ou obter mais informações aqui.