Journal Information
Vol. 38. Issue S1.
Pages 18 (October 2018)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 38. Issue S1.
Pages 18 (October 2018)
P123
DOI: 10.1016/j.jcol.2018.08.039
Open Access
A IMPORTÂNCIA DA CORRETA APLICAÇÃO SOBRE A EFICÁCIA DO MANEJO CONSERVADOR DA DOENÇA HEMORROIDÁRIA AVANÇADA
Visits
...
Matheus Backes Zambonato, Pedro Henrique Lourenco Borges, Ana Lia Mesquita Nunes, Arthur Coelho Moura Marinho
Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Canoas, RS, Brasil
Article information
Full Text

A importância da correta aplicação sobre a eficácia do manejo conservador da doença hemorroidária avançada.

Introdução: A doença hemorroidária é a mais frequente patologia anorretal no mundo, visto que atinge até 10% da população global. Apesar disso, há uma grande variação na forma como o manejo dessa patologia é recomendado pelas diretrizes de tratamento, particularmente no que tange o manejo conservador, o qual é muitas vezes neglicenciado pela crença comum.

Objetivo: Afirmar a importância do manejo conservador como atuante curativo e preventivo da doença hemorroidária avançada.

Metodologia: O estudo é composto por uma revisão bibliográfica de artigos científicos publicados nos últimos 3 anos, realizada a partir de junho de 2018. A consulta ao banco de dados foi embasada pelas plataformas MEDLINE / PubMed e pelas bibliotecas virtuais Scielo e Cochrane.

Resultados: Ao analisar a recomendação das diretrizes atuais de tratamento de hemorróidas, constata‐se um equívoco em relação a não recomendação da ingesta de fibras e líquidos como tratamento primário dos prolapsos e sangramentos moderados a graves (hemorróidas avançada). De fato, foi analisada a ingesta de fibras na ordem de 5 a 10 gramas diárias, o que é bastante inadequado, visto que a exigência diária indicada para adultos é de 35 a 38g. Portanto, ao analisar que um adulto consome, usualmente, cerca de 15g de fibras ao dia, a indicação correta seria uma suplementação de 20 a 25 gramas diárias (5 colheres de chá de casca de psyllium), associada a ingesta de 25mL de água por grama de fibra (500mL de água e 25g de casca de psyllium diários). A eficácia da aplicação dessa indicação tem se mostrado surpreendentemente eficaz quando utilizada no manejo conservador de hemorróidas, ainda que avançadas, o que comprova o beneficio, em caráter primário, de tal manejo. Além de que, esse tratamento se mostrou efetivo na prevenção da submissão de pacientes a procedimentos cirúrgicos iniciais em 85% dos portadores de doença hemorroidária avançada.

Conclusão: O enfoque conservador, quando administrado de maneira correta, é evidentemente eficaz no tratamento e na prevenção da doença hemorroidária inicial e, também, avançada. Posto isso, merece tanta ênfase quanto a abordagem cirúrgica na conduta inicial e seguimento da patologia.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools