Journal Information
Vol. 37. Issue S1.
Pages 69 (October 2017)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 37. Issue S1.
Pages 69 (October 2017)
V5‐48
DOI: 10.1016/j.jcol.2017.09.290
Open Access
ABORDAGEM LAPAROSCÓPICA E ENDOSCÓPICA TRANSANAL PARA O TRATAMENTO DE NEOPLASIA DE RETO INFERIOR COM O PACIENTE EM POSIÇÃO DE CANIVETE
Visits
...
Helio Moreira Júniora, Luis Gustavo Capochin Romagnolob, Raniere Rodrigues Isaaca, José Paulo Teixeira Moreiraa, Marcos Antônio de Souza Júniora, Valesca de Souza Ueokaa
a Hospital das Clínicas de Goiás, Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, GO, Brasil
b Hospital de Câncer de Barretos, Barretos, SP, Brasil
Article information
Full Text

O tratamento laparoscópico do câncer de reto permanece um desafio, em especial as lesões de terço inferior, diante da dificuldade de definir margem distal e completar uma anastomose segura. Mais recentemente foi proposta a abordagem laparoscópica associada a endoscópica transanal, com confecção de anastomose coloanal manual como técnica opcional para essas lesões mais baixas, traz uma segurança maior quanto à definição da margem distal, assim como a confecção de uma anastomose sem o inconveniente de múltiplas linhas de sutura mecânica do coto retal quando usado o duplo grampeamento. Entretanto, a abordagem endoscópica transanal é tecnicamente desafiadora, em especial na dissecção lateral e, em homens, da porção anterior do reto, com relatos de lesão de uretra mais comuns do que os observados pela abordagem tradicional. O vídeo a ser apresentado traz uma proposta inovadora, com a feitura da abordagem transanal com o paciente na posição de canivete, com o intuito de facilitar a identificação dos planos de dissecção e minimizar os riscos de lesões iatrogênicas de estruturas adjacentes.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools