Journal Information
Vol. 37. Issue S1.
Pages 107 (October 2017)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 37. Issue S1.
Pages 107 (October 2017)
P‐079
DOI: 10.1016/j.jcol.2017.09.080
Open Access
DIVERTICULITE DE CECO: RELATO DE CASO
Visits
...
Artur Serra Neto, Eduardo Santos Silveira Junior, Bruno Barreto Figueiredo Soares, Victor Hugo Alvim Frazão, Yvanna Carvalhal, Debora Pinheiro, Graziela Fernandes
Hospital Universitário, Universidade Federal do Maranhão (UFMA), São Luís, MA, Brasil
Article information
Full Text

Introdução: Pacientes portadores de divertículo do ceco são usualmente assintomáticos; entretanto, quadros sintomáticos ocorrem em 10 a 20% dos casos de acordo com complicações como inflamação, perfuração, hemorragia e mais raramente obstrução intestinal. O principal diagnóstico diferencial é a apendicite aguda.

Objetivo: Descrever o relato de caso de uma paciente com diagnóstico de diverticulite de ceco.

Relato de caso: T.C.N, 54 anos, portadora de doença renal policística (diálise peritoneal havia três anos). Iniciou quadro de dor em região epigástrica contínua associada a quadro de dor hipogástrica do tipo cólica. Negava febre, diarreia e vômitos. Foi internada e cursou com quadro de dor abdominal difusa, associada a sinais de peritonite, foi retirado o cateter de Tenckhoff e iniciada antibioticoterapia. Evoluiu com manutenção da queixa de dor abdominal, associada ainda a episódios diarreicos. A TC abdominal evidenciou uma lâmina em parede abdominal subaponeurótica, foram indicadas uma punção e aspiração guiada por USG. Após reavaliação, optou‐se por abordar coleção via laparotômica. Durante o procedimento cirúrgico foi evidenciada uma volumosa massa cística que se estendia da pelve ao andar superior do abdômen, aderida em praticamente todo o intestino delgado, ceco, cólon ascendente, cólon descendente, sigmoide e bexiga. Observou–se ainda massa no nível do ceco, ausência de apêndice cecal e isquemia com sofrimento de alça de delgado a 20cm da válvula ileocecal. Feita hemicolectomia direita com ileostomia. Evoluiu satisfatoriamente. O laudo histopatológico demonstrou um produto de hemicolectomia compatível com doença diverticular colônica com diverticulite e perfuração em região do ceco.

Conclusão: Apesar de incomum, a diverticulite de ceco deve ser lembrada no diagnóstico diferencial de apendicite aguda.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools