Journal Information
Vol. 37. Issue S1.
Pages 128 (October 2017)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 37. Issue S1.
Pages 128 (October 2017)
P‐127
DOI: 10.1016/j.jcol.2017.09.128
Open Access
HEMORRAGIA DIGESTIVA BAIXA POR DOENÇA HEMORROIDÁRIA TRATADA COM GRAMPEADOR PPH
Visits
...
Erico de Carvalho Holandaa,b, Alexandre Medeiros do Carmoa,b, Roberto Sérgio de Andrade Filhoa,b, Lia Barroso Simonetti Gomesa,b, Juliana Bezerra Fariasa,b, Rafaella Alcântara Alves Meloa,b
a Centro Universitário Christus (Unichristus), Fortaleza, CE, Brasil
b Santa Casa da Misericórdia de Fortaleza, Fortaleza, CE, Brasil
Article information
Full Text

Introdução: A doença hemorroidária pode ser causa de hemorragia digestiva baixa (HDB) importante, necessita de tratamento de urgência. A uso do grampeador mecânico PPH (procedimento para o prolapso hemorroidário) nesses casos é descrito desde 1998.

Objetivo: Relatar o tratamento de doença hemorroidária sangrante com anemia associada com o grampeador PPH.

Descrição do caso: Paciente de 46 anos referiu hematoquezia leve a moderada havia dois anos. Evolui por 15 dias com três evacuações diárias acompanhadas de hematoquezia moderada a volumosa, em jato, cessava espontaneamente 10 minutos após ato evacuatório. Apresentou ainda palidez cutaneomucosa, adinamia e sintomas de lipotimia. Exame laboratorial revelou hemoglobina de 7. Após internação hospitalar de urgência, foi submetida a transfusão de concentrado de hemácia e colonoscopia que revelou hemorroidas ingurgitadas sem sinais de sangramento naquele momento. No terceiro dia de hospitalização, foi feita enteropexia grampeada pela técnica de PPH, com visualização no transoperatório de vaso hemorroidário com sangramento profuso, em jato. Feita técnica de PPH sem demais intercorrências. Paciente teve alta no primeiro dia de pós‐operatório. Evolui sem queixas hemorrágicas.

Discussão: A HDB crônica tem como principais etiologias a doença hemorroidária, colite e neoplasias de cólon. Em um estudo que comparou o tratamento com PPH e hemorroidectomia convencional em pacientes com doença hemorroidária com sangramento que resultou em anemia, observou‐se que a duração da internação hospitalar, o tempo de recuperação, a dor pós‐operatória e o uso de analgésicos foi menor nos pacientes submetidos à enteropexia com PPH. Em outro estudo que relatou o tratamento com PPH em pacientes com hemorroida sangrante, a taxa de sucesso foi de aproximadamente 90%, considerando a ausência de anemia nos seis meses posteriores à cirurgia.

Conclusão: O PPH é um método de tratamento adequado para hemorroidas sangrantes com anemia associada, com elevada taxa de sucesso e adequada recuperação do paciente.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools