Journal Information
Vol. 39. Issue S1.
Pages 51 (November 2019)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 39. Issue S1.
Pages 51 (November 2019)
854
Open Access
Papel da videocápsula endoscópica na deteção de corpos estranhos – a propósito de um caso
Visits
...
M. Mascarenhas Saraiva, E. Dias, H. Cardoso, G. Macedo
Centro Hospitalar São João, Porto, Portugal
Article information
Full Text

Área: Miscelâneas

Categoria: Relatos de caso

Forma de Apresentação: Pôster

Objetivo(s): Doente do sexo feminino, com 66 anos de idade, antecedentes de história prévia de artropatia lombar, fibrilhação auricular paroxística e valvuloplastia por insuficiência mitral reumática, recorreu ao serviço de urgência por história de dor epigástrica com quatro meses de evolução.

Descrição do caso: A paciente negava náuseas, vómitos ou outras queixas gastrointestinais. A endoscopia digestiva alta demonstrou gastrite crónica com biópsias positivas para Helicobacter pylori e áreas de metaplasia intestinal. Neste contexto, foi iniciada terapêutica de erradicação.

Discussão e Conclusão(ões): Não obstante, a doente apresentou um agravamento da epigastralgia, especialmente após as refeições, anorexia e perda de peso (aproximadamente 13kg nos três meses seguintes). Do ponto de vista analítico, hemograma sem alterações, função renal conservada, sem distúrbios hidroelectrolíticos, assim como proteína C‐reativa, testes de função tiroideia e eletroforese de proteínas sem alterações. Não foram reveladas alterações da cinética de ferro ou défices vitamínicos. Neste contexto, a endoscopia digestiva alta foi repetida e revelou gastrite antral, embora desta vez negativa para Helicobacter pylori. A tomografia computadorizada abdominal e a ressonância magnética abdominal não revelaram achados relevantes. Dada a ausência de achados nos exames supracitados, foi realizada videocápsula enteroscópica que evidenciou uma erosão na transição jejunoileal associada à presença de corpo estranho, aparentemente um osso. A possibilidade de realizar enteroscopia por balão duplo para remoção do corpo estranho foi discutida, e foi decidido não realizar o exame, dado o alto risco de iatrogenia. Deste modo, a paciente foi submetida a enterectomia segmentar com resolução da situação clínica.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools