Journal Information
Vol. 38. Issue S1.
Pages 163 (October 2018)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 38. Issue S1.
Pages 163 (October 2018)
DOI: 10.1016/j.jcol.2018.08.348
Open Access
TL96 EXPERIÊNCIA EM ULTRASSONOGRAFIA ENDOANAL NO SERVIÇO DE REFERÊNCIA EM SALVADOR‐BA
Visits
...
Joana Carolina Saraiva de Paula Pessoa, Andre Luiz Santos, Meyline Andrade Lima, Eduardo Costa Cobas, Andre Araujo de Medeiros Silva, Carlos Ramon Silveira Mendes
Hospital Santa Izabel, Salvador, BA, Brasil
Article information
Full Text

Introdução: A ultrassonografia endoanal é um dos principais exames de imagem para avaliação do canal anal, sendo indicado para avaliação anatômica do canal anal e para diagnóstico de patologias. O aparelho de ultrassonografia 2D com imagem em 360O vem mostrando bastante eficácia, mesmo sendo utilizado principalmente para avaliar o canal anal e com apenas corte axiais.

Objetivo: O presente estudo tem como objetivo mostrar o perfil dos pacientes submetidos a ultrassom endoanal 2D, suas principais indicações e resultados.

Materiais e métodos: No período de junho de 2017 a junho de 2018, foram submetidos ao exame 113 pacientes que tiveram como indicação para realização do exame dor anal, fístula anal, incontinência, abscesso e neoplasia, em Salvador, Bahia. Com o aparelho da marca Prometheus, com o probe endoanal Bi Dimensional de 360O, com frequência entre 12 a 15MHz em cortes axiais.

Resultados: A casuística foi representada por 113 pacientes, sendo 65 (57%) do sexo masculino e 48 (43%) do sexo feminino, a média de idade foi de 47 anos (18 a 93 anos). As principais indicações para o exame foram: 74 pacientes com fístula anal (65%), 18 com suspeita de incontinência(17%), 12 com abscesso(11%), 05 com neoplasia(4%) e 04 com dor anal(3%). Dos exames solicitados apenas três exames vieram normais, sendo 110 exames (97%) apresentaram algum tipo de achado e 101 exames confirmaram seu diagnóstico.

Conclusão: A prevalência do exame foi maior no sexo masculino. A principal indicação do exame foi para fístula anal. O ultrassom endoanal 2D mostrou bons resultados, com bastante eficácia nos diagnósticos encontrados, contribuindo na decisão terapêutica, assemelhando‐se a ressonância nuclear magnética, tendo como vantagem ser mais fácil, rápido, de baixo custo e seguro.

Idiomas
Journal of Coloproctology

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools
en pt
Cookies policy Política de cookies
To improve our services and products, we use "cookies" (own or third parties authorized) to show advertising related to client preferences through the analyses of navigation customer behavior. Continuing navigation will be considered as acceptance of this use. You can change the settings or obtain more information by clicking here. Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar nossos serviços e mostrar publicidade relacionada às suas preferências, analisando seus hábitos de navegação. Se continuar a navegar, consideramos que aceita o seu uso. Você pode alterar a configuração ou obter mais informações aqui.